Sociedade | Covid-19: Gulbenkian Cuida, de quem cuida dos mais velhos

Introduza o seu e-mail

Covid-19: Gulbenkian Cuida, de quem cuida dos mais velhos

03/04/2020 | Sofia Alçada

Fundo de Emergência à Sociedade Civil Foto: Fundação Gulbenkian Fundo de Emergência à Sociedade Civil Foto: Fundação Gulbenkian

Segundo Carlos Moedas, ex-comissário europeu e atual administrador da Fundação Calouste Gulbenkian em entrevista a vários meios de comunicação, o objetivo é ajudar directamente quem precisa nesta fase. Por isso lançaram apoios vocacionados para várias áreas, da ciencia às artes, e também, a quem cuida de quem cuidou de nós. 

Na área do apoio ao envelhecimento e a longevidade, a Gulbenkian lançou o Gulbenkian Cuida:

Gulbenkian Cuida

Veja aqui a entrevista à SIC com Carlos Moedas com uma explicação de como funciona e quem é elegivel para este apoio.

Assim, são elegíveis para este apoio as entidades privadas sem fins lucrativos, como instituições de solidariedade social, de voluntariado ou outras organizações não-governamentais, promotoras de respostas sociais para as pessoas mais velhas. 

Com um financiamento máximo de 20.000€ para cada entidade, que poderá cobrir os custos com contratação para reforço da equipa, aquisição de equipamentos e materiais de apoio e de prestação de serviços até 31 de dezembro de 2020.

Aberto de 31 março a 7 abril 2020 (até às 12:00, hora de Portugal continental)

Antes de submeter o formulário de candidatura, verifique por favor todos os requesitos.

Perguntas Frequentes

 

Outro apoio: Artistas e cultura

No apoio a cultura e aos artistas que tiveram os seus eventos cancelados ficando sem qualquer tipo de recursos e sem a certeza de quando poderão retomar a atividade, a Fundação Gulbenkian lança o Apoio de Emergência aos Artistas e à Cultura para as áreas das Artes Visuais, Dança, Música e Teatro mais diretamente afetados pelo novo coronavírus em Portugal. Aberta até 06 abril.

 

Fonte: Fundação Gulbenkian