Na hora de comprar online, faça-o em segurança | Rendimento

Introduza o seu e-mail

Na hora de comprar online, faça-o em segurança

03/12/2020 | Fernanda Cerqueira

Faça das suas compras online uma experiência segura. FOTO UNSPLASH Faça das suas compras online uma experiência segura. FOTO UNSPLASH

Não são uma novidade. Desde há vários anos a esta parte, são cada vez mais as pessoas, de todas as idades, que optam por fazer as suas compras, seja de supermercado, têxteis ou tecnologia, através da internet.

Contudo, o grande salto foi dado com a pandemia, que fez crescer acentuadamente o volume de compras através da internet. Uma prática que parece ter vindo para ficar. Comprar através da internet é de facto muito cómodo, sem filas, sem grandes aglomerações e sem perder muito tempo.

Mas, é essencial que o faça com toda a segurança! Para isso, consultamos alguns artigos da Deco – Associação Portuguesa para a Defesa do Consumidor e preparamos uma síntese dos principais aspetos a ter em conta na hora de comprar online.

  1. Compre em lojas que conhece

Compre em sites de lojas que conhece ou que lhe foram recomendados por amigos ou familiares.  

A maneira mais simples de conferir a fidedignidade de um site é verificar na barra de endereço se surge a indicação https://. Se o site for realmente seguro estará acompanhado de um ‘cadeado’. 

  1. Desconfie de preços demasiado bons

Desconfie de produtos com preços muito abaixo do valor de mercado. Naturalmente, há descontos, saldos e promoções, ainda assim há um limiar razoável para um determinado produto. Por isso, compare o preço do mesmo produto em diferentes lojas online.

  1. Crie um e-mail só para as compras online

Pode ser útil subscrever e-mails de sites que considere fidedignos e onde realiza compras com regularidade. É uma forma de receber informação relativa a promoções ou informação específica sobre a sua encomenda, nomeadamente sobre devoluções ou reembolsos. Se criar um e-mail só para as suas compras online, evita que a sua conta principal de e-mail seja alvo de spam.

  1. Escolha um método de pagamento seguro

Geralmente, as lojas online oferecem diferentes métodos de pagamento. Os métodos de pagamento mais utilizados pelos portugueses são Paypal, Multibanco e o MBWay, mas muitos portugueses ainda optam pelo pagamento no ato da entrega do produto.

Escolha a modalidade de pagamento em que sente mais segurança, tendo em vista também o produto que vai comprar.

Se usar cartões, opte pelos que exigem autenticação adicional, ou seja, pelo menos dois passos para a autorização, ou com plafond limitado e prazo de validade reduzido.

Não forneça dados pessoais ou confidenciais que não sejam absolutamente necessários para realizar o pagamento.

  1. Guardar os comprovativos de pagamento

Após fazer uma compra online, o vendedor deve enviar imediatamente a fatura em formato digital. Por isso, e tal como faz com as faturas em papel, é importante manter a informação sobre a compra.

 

Não se esqueça dos seus direitos

Nas compras online, se quiser anular a compra depois do produto lhe chegar às mãos, tem 14 dias seguidos para comunicar a sua desistência. 

Este ano, e no contexto da pandemia, muitas lojas físicas e online estão a promover um período alargado para trocas e devoluções. A ideia é facilitar a troca ou devolução de prendas de Natal, que poderá ser feita com mais calma e no cumprimento das regras impostas pela pandemia de Covid-19.

Mais uma vez não deixe de ler com toda a atenção as condições estipuladas pela loja online onde está a comprar os seus presentes.

Através do site e-compras com direitos, iniciativa de Deco, pode obter todas as informações. E caso sinta que foi lesado na sua compra online, pode recorrer ao site da Deco para reclamar.

 

Fonte: Compras pela Net sem perder direitos, da Deco.