Sociedade | Longevidade e os bons hábitos de “poupança”

Introduza o seu e-mail

Longevidade e os bons hábitos de “poupança”

18/08/2020 | Sofia Alçada

Longevidade e os bons hábitos de "poupança" Foto: Unsplash Longevidade e os bons hábitos de "poupança" Foto: Unsplash

A longevidade com qualidade de vida pode ser vista como uma espécie de “poupança” em que “depositamos”:

- montantes de alimentação balanceada,

- exercícios físicos frequentes e orientados

- vida social ativa, repleta de relações afetivas com familiares e amigos.

Se a longevidade pode ser construída pelo acumular de hábitos saudáveis, a atividade física é um dos fatores importantes dessa equação.

 

Leia também Dicas para uma boa longevidade

 

Movimentar o corpo é como sabemos, essencial. Mas como movimentá-lo?

Diversos estudos científicos apontam que a prática de exercícios aumenta a expectativa de vida.

O que, quanto e como fazer são perguntas que podem ser respondidas por profissionais qualificados, que avaliam as particularidades de cada pessoa para orientar sobre questões como intensidade, frequência e tipos de atividade.

A recomendação mais frequente é fazer exercício físico três vezes por semana.

Se for bem orientado por um profissional, pode fazer exercício todos os dias e viver uma vida saudável, “depositando” quantias importantes na “poupança” da longevidade.

 

Ligação da saúde física à saúde mental

A saúde física liga-se obviamente à saúde mental para “engordar” o saldo dessa conta.

“Nós somos mente e corpo. No momento em que faço uma atividade que me dá prazer, estou a trabalhar o meu corpo por inteiro.

Também a socialização é decisiva na busca por uma maior longevidade.

- Nutrir amizades

- Ter relações com laços duradouros

Permite-nos conhecermo-nos melhor a nós e aos outros.

As relações exercitam a mente e abrem caminho para a renovação dos objetivos.

 

A importância das metas e dos objetivos

Ao longo da vida, é natural que os nossos objetivos se vão alterando.

Ao estabelecer e perseguir novas metas teremos mais um ingrediente na receita de uma vida com maior longevidade.

Todos nós precisamos de ter propósitos e projetos de vida. A Reforma pode ser um passo para termos novas metas e objetivos de vida.

É importante não ficar totalmente focado no futuro porque gera ansiedade.

Mas é sem dúvida importante preparar o futuro. Principalmente quando este pode trazer grandes mudanças para a nossa vida, como é o caso da reforma.

São alguns dos comportamentos do dia-a-dia que vão garantir a vida feliz de hoje e a longevidade de amanhã.

Com hábitos saudáveis, tanto para a cabeça quanto para o corpo, o futuro pode trazer longos – e felizes – anos pela frente.

Leia também a longevidade e os fatores de risco

 

Adaptado de Globo.com